quinta-feira, 30 de maio de 2013

10 Erros que deve evitar a todo o custo no seu CV




A redação de um Curriculum Vitae é a fase inicial e a mais importante da preparação da sua candidatura a um emprego. Se nesta fase crucial você falhar, todas as suas espectativas serão goradas, por isso foque-se e leia diversas vezes o seu currículo para tentar evitar a todo o custo qualquer erro.


1) Erros de escrita e gramática
Um dos erros mais comuns que você deve evitar, são erros de escrita e gramática sejam eles quais forem. Se não se sente confortável no português ou em qualquer outra língua que esteja a redigir, por favor peça a ajuda de um familiar ou amigo.

2) Pouco específico
Nos currículos vê-se de tudo um pouco, umas pessoas colocam informação a menos e outras a mais. No meio está a virtude, não devemos ser exagerados, no entanto devemos especificar com detalhe algumas das funções que desempenhámos anteriormente.

3) Um modelo de CV para todos
Como mencionámos no artigo “As 5 coisas mais importantes a reter sobre o seu Curriculum Vitae”, é importante redigir um Curriculum Vitae focado na vaga que pretendemos preencher, não caia no erro de criar o seu modelo de CV e enviar para todo o lado.

4) Realce de detalhes sem importância
Os recrutadores na sua maioria são perspicazes e rigorosos, se você estiver a realçar pormenores sem importância estará a colocar a dita “palha” que o recrutador não quer ler, e que você acha que valoriza ou aumenta o seu CV. Não cometa o erro de mencionar detalhes sem importância como por exemplo: Organizei um arquivo em três dias tendo separado cuidadosamente as pastas por ano, nome, categoria, etc.

5) Demasiado curto ou demasiado extenso
Não existem regras específicas para redigir um CV, nós humanos somos todos diferentes uns dos outros e é natural que as preferências de uns não sejam iguais às de outros. Não estranhe se o seu vizinho lhe disser que o dele tem 5 páginas e o seu só tem 2, não fizeram o mesmo percurso escolar nem profissional, e nem todos redigem o CV da mesma maneira.

6) Um mau objetivo
Se o seu CV não está redigido para determinado cargo, o mais provável é o seu objetivo também estar desajustado. Quando redigir um currículo para determinado cargo, escolha eficazmente o objetivo deste, fazendo com que o mesmo se identifique com o que o recrutador procura.

7) Esquecer informação importante
Em algumas situações somos tentados a esconder alguns trabalhos de curta duração que fizemos no passado, ou porque não estariam relacionados com aquilo que pretendíamos para o nosso futuro, ou porque simplesmente foram uma curta passagem. Apesar de acharmos que são insignificantes, muitas vezes escondem alguma aprendizagem e experiência que adquirimos. Defina bem o que pretende incluir ou excluir do seu Curriculum Vitae.

8) Falta de ação
Uma das coisas que os recrutadores gostam mais são os problemas que a pessoa teve que enfrentar na vida profissional, e como os resolveu. A iniciativa é muito importante num Curriculum, mostre que é capaz de solucionar problemas, ser pró-ativo, de criar e resolver coisas.

9) Confuso para o olhar
Já referimos aqui anteriormente que a simplicidade faz a diferença, não escolha um tipo de letra exuberante, o tamanho de letra deve ser moderado e consistente, dê espaço entre os vários conteúdos, dê espaço ligeiro entre linhas, seja acima de tudo ponderado.

10) Informações erradas ou desatualizadas
Também já referimos aqui anteriormente que ter informações de contacto erradas, ou mesmo informações profissionais, pode ser muito prejudicial para si. Tente reler o seu CV esporadicamente para comprovar que tudo está atual e verdadeiro.

http://blog.ofertas-emprego.com
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos